07 Julho 2018
Gilson Machado repudia MPPE no caso da peça em Garanhuns

Gilson Machado repudia MPPE no caso da peça em Garanhuns

O pré-candidato a senador pelo PSL, Gilson Machado, repudiou a atitude do Ministério Público de Pernambuco de pedir a liberação da peça denominada "o evangelho segundo Jesus, a RAINHA dos céus", em Garanhuns. Leia abaixo o texto enviado pelo Gilson:

Como Cristão estou decepcionado com o Ministério Público de Pernambuco! O órgão recomendou que o Governo do Estado e a Prefeitura de Garanhuns, realizem a peça denominada "o evangelho segundo Jesus, a RAINHA dos céus", no Festival de Inverno de Garanhus.  

O MPPE justificou a posição como tendo base na Constituição Federal, ressaltando a liberdade de expressão.

Volto a dizer :   Liberdade não é Libertinagem.

Se o MPPE evoca a constituição Brasileira de 1989, eu evoco a Bíblia! Conhecem?

Tem mais:
Meu repúdio contra a peça teatral e a decisão do MPPE não é pelo fato de ser um ator transsexual que fará o papel de Jesus, afinal, muitos com orientações sexuais diferentes interpretam Cristo durante as peças apresentadas no período da Semana Santa.

O que me deixa estarrecido é o fato do Ministério Público desrespeitar a essência do Cristianismo.
 E não é porque o Estado é Laico que ele seja Anti-Cristão,apoiando a distorção dos conceitos da bíblia sagrada e contrapondo o próprio Cristo, dando-o um conceito de gênero contrário ao que ele foi quando esteve na terra e interpretando-o como homossexual.
 Jesus nasceu,viveu,foi crucificado e resssuscitou em forma de Homem.

Está com UNANIMIDADE em todas as escritas há mais de 2000 anos.

Repudiei o ataque contra a imagem da santa Católica que foi incendiada na Serra das Russas em Gravatá,e o MP não se pronunciou sobre esse ataque covarde à imagem de Maria.

Agora fica difícil entender um Ministério Público que abre um inquérito para investigar a aplicação de dinheiro público na Marcha para Jesus (como está acontecendo em Jaboatão), justificando a LAICIDADE DO ESTADO e se posiciona favorável ao custeio da profanação de Jesus Cristo com o dinheiro público.  

Ou seja, pode denegrir e desrespeitar mas não pode propagar o evangelho?

Como Cristão que sou, exijo respeito perante Jesus Cristo, pela nossa fé, pelas religiões e por todos os símbolos sagrados. Tenham vergonha e respeitem aquilo que amados, adoramos e acreditamos. Não aceito a imagem de Jesus Cristo ser retratada como Gay,não aceito a imagem de Maria sendo retratada como lésbica e sou contra qualquer desrespeito com qualquer fé e religião. 

Volto a dizer:Não tenho nada contra quem usa o seu Orifício Rugoso Infra-lombar para fazer Sexo. Sou contra sim, a profanação à minha religião cristã.

A quem interessa isso ?

Já começa errado :

O Evangelho SEGUNDO Jesus a rainha do Céu.

O Evangelho nunca poderia ser Segundo Jesus ,pelo simples fato de Jesus SER o Evangelho, só isso já caracteríza Crime de Vilipêndio.

Espero que as autoridades competentes NÃO acatem essa RECOMENDAÇÃO.