24 Setembro 2020
Coronel Alberto Feitosa critica saúde da gestão PSB e propõe o prontuário eletrônico

Coronel Alberto Feitosa critica saúde da gestão PSB e propõe o prontuário eletrônico

O Coronel Alberto Feitosa esteve hoje na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) localizada na Imbiribeira para criticar o descaso com a saúde pública do recifense. O pré-candidato a prefeito do Recife falou sobre o caso do educador físico Eduardo Belmiro Ferreira, que faleceu na última segunda-feira (21), vítima de um suposto infarto, após não ter tido atendimento no local. 

Nas redes sociais Feitosa falou sobre uma das suas propostas, o prontuário eletrônico, para melhorar a saúde e questionou o candidato do PSB João Campos sobre o caso, afirmando que ele não conhece os problemas da cidade.

“Você sabe onde eu estou, João Campos? Em frente a UPA da Imbiribeira. Com certeza você não veio aqui, porque você não anda pela cidade. Você finge que anda para resolver os problemas. Mas eu vou lhe contar o que aconteceu aqui com o senhor Eduardo Belmiro Ferreira”.  

Eduardo Belmiro foi socorrido com dores fortes no peito, com suspeita de infarto, mas não teve atendimento. Ao sair para procurar um novo local para ser atendido, seguiu para a estação de metrô Tancredo Neves, onde veio a falecer.

“Esse é o governo do PSB, João Campos, que você anda nas ruas tentando defender, que trata desse jeito a população recifense. É dessa forma que eles cuidam da saúde do povo? Responda João Campos!”, desafiou o coronel.

Uma das propostas do Coronel Alberto Feitosa para a saúde trata do prontuário eletrônico. Uma plataforma digital com todo o histórico do recifense que pode ser acessado a qualquer momento pelos profissionais da área mediante senha, colaborando com a agilidade do atendimento. 

“No meu governo cada cidadão terá um prontuário eletrônico. E aí, se o médico que atendeu Eduardo na segunda usasse essa plataforma, saberia que ele era diabético crônico, hipertenso e que tinha vindo na noite da quinta-feira passada com dor peito, diagnosticado com princípio de infarto e teria conduzido ele em ambulância pra uma unidade cardíaca com carinho, cuidado e todo o respeito”.