12 Dezembro 2018
Ameaça de bomba faz sede do Facebook ser evacuada

Ameaça de bomba faz sede do Facebook ser evacuada

Parte da sede do Facebook nos Estados Unidos foi evacuada pela polícia após o recebimento de uma denúncia de que havia uma bomba no complexo. Após duas horas de buscas, as autoridades liberaram a área e concluíram que não havia bomba no local.

O caso aconteceu na madrugada desta quarta-feira, 12, no campus do Facebook em Menlo Park, Califórnia. O departamento de polícia da cidade recebeu uma ligação da polícia de Nova York informando a respeito de uma denúncia anônima de uma bomba no complexo.

A administração do Facebook foi informada e tomou a iniciativa de iniciar a evacuação, com a ajuda dos agentes de segurança do município. O esquadrão antibombas do condado vizinho de San Mateo foi chamado para ajudar nas buscas pela tal bomba.

Após duas horas de buscas, incluindo cães farejadores e detectores de explosivos, o campus foi liberado para que os funcionários voltassem ao trabalho após a conclusão de que não havia bombas nos prédios. A ameaça foi só um alarme falso.

“Nós levamos a segurança da nossa equipe no Facebook extremamente a sério e estamos contentes que todos estejam seguros”, disse um porta-voz do Facebook à CNN. “Estamos trabalhando em estreita colaboração com as autoridades locais para investigar essa ameaça e monitorar ainda mais a situação.”

O caso deixou as autoridades e o próprio Facebook em alerta diante dos recentes casos de explosivos que foram enviados para diversos endereços nos Estados Unidos em outubro, incluindo redações de jornais e políticos do partido Democrata.

Além disso, o caso trouxe à tona o atentado na sede do YouTube em San Bruno, Califórnia, em abril deste ano. Nasim Najafi Aghdam entrou em um dos prédios do complexo e começou a atirar contra os funcionários da empresa. Quatro pessoas ficaram feridas, e atiradora tirou a própria vida após o atentado.