PF em pernambuco está no Cabo, Sagueiro e Vitória para operação ligada fraudes
Autor
Adriano Roberto

PF em pernambuco está no Cabo, Sagueiro e Vitória para operação ligada fraudes

A Polícia Federal em Pernambuco deflagrou na manhã desta sexta-feira, 19/10/2018, a Operação Abismo visando reprimir e desarticular um esquema de fraudes no instituto de previdência dos servidores de um município da região metropolitana de Recife/PE. As investigações tiveram início em março/2018 e segundo os dados coletados na investigação, que ainda se encontra sob sigilo, foram transferidos mais de R$ 90 milhões de reais do instituto - que antes se encontravam investidos em instituições sólidas – para fundos de investimento compostos por ativos “podres”, isto é, sem lastro e com grande probabilidade de inadimplência futura, colocando em risco o pagamento da aposentadoria dos servidores do município. 

As ordens judiciais de prisão e buscas estão assim distribuídas 
Pernambuco: 18 MB, 02 MPT e 04 MPP; (Cabo, Sagueiro e Vitória)
São Paulo: 10 MB, 01 MPT e 05 MPP; (Jundaí e Guariba)
Rio de Janeiro: 10 MB, 06 MPT e 01 MPP; (Capital)
Paraíba: 01 MB; (Monteiro)
Distrito Federal: 01 MB;
Goiás: 01 MB, 01 MPT; (Goiânia e Anápolis)
Santa Catarina: 01 MB, 02 MPT;

MB: Mandado de Busca; MPT: Mandado de Prisão Temporária; MPP: Mandado de Prisão Preventiva;

No curso da investigação coletaram-se indícios de que a alteração na carteira de investimentos do Instituto de Previdência foi efetuada a mando do prefeito do aludido município, por meio de ingerência indevida na administração daquele órgão, em razão do oferecimento de vantagem indevida. 

Ao todo, 220 policiais federais estão cumprindo 64 (sessenta e quatro) ordens judiciais sendo 42(quarenta e dois) mandados de busca e apreensão, 10 (dez) mandados de prisão preventiva e 12 (doze) mandados de prisão temporária, nos estados de Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Goiás, Santa Catarina e no Distrito Federal. Estão sendo presos, empresários, lobistas, advogados, políticos, religiosos e outras pessoas que de uma forma tem participação com o esquema criminoso. As medidas foram determinadas pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região, que ainda autorizou o sequestro e bloqueio de bens e valores depositados em contas em nome dos investigados. 

Os crimes que estão sendo imputados aos suspeitos são Lavagem de Dinheiro, Associação Criminosa, Crimes Financeiros, Corrupção Ativa e Passiva, cujas penas ultrapassam os 30 anos de reclusão. Os presos serão levados até a sede da Polícia Federal onde serão interrogados e logo em seguida irão ser encaminhados para os respectivos sistemas prisionais. Os presos de outros estados ficarão reclusos em sistemas prisionais de seus estados onde ficarão à disposição do Tribunal Regional Federal da 5ª Região.



Datafolha: eleitores da esquerda engrossam vantagem de Bolsonaro
Autor
Adriano Roberto

Datafolha: eleitores da esquerda engrossam vantagem de Bolsonaro

Eleitores de partido de esquerda ajudam a engrossar a vantagem de Jair Bolsonaro (PSL) sobre Fernando Haddad (PT), revela pesquisa Datafolha concluída nesta quinta (18).
 
Nesse campo, o militar é o preferido de 52% dos que declararam preferência pelo PSB (contra 31% em Haddad). Do partido de Ciro Gomes, o PDT, 31% pretendem votar em Bolsonaro - 52% escolhem o petista.

O militar ainda é o escolhido de 15% dos eleitores do PSOL, contra 85% em Haddad.

Até entre os petistas 5% pretendem votar em Bolsonaro, e 90% escolhem o candidato presidencial do próprio partido.

Bolsonaro leva ampla vantagem entre eleitores do PSDB (76%) e MDB (62%).

Ainda no campo mais à esquerda, 19% dos que votaram em Ciro Gomes escolherão Bolsonaro - outros 56% preferem Haddad. E 7% dos que votaram em Guilherme Boulos (PSOL) no primeiro turno também declararam voto no militar, contra 68% em Haddad.

Entre os eleitores do próprio Haddad, 4% pretendem mudar de candidato no segundo turno e escolher Bolsonaro.

Segundo o Datafolha, o capitão reformado tem 59% das intenções de votos válidos, sem contar eleitores dispostos a votar em branco ou nulo, ou que estão indecisos. O ex-prefeito petista está com 41%.

No levantamento anterior do Datafolha, realizado na semana passada, três dias após o primeiro turno da eleição, Bolsonaro apareceu com 58% das intenções de voto e Haddad, com 42%.

O Datafolha entrevistou 9.137 eleitores em 341 municípios na quarta (17) e nesta quinta. A pesquisa foi contratada pela Folha de S.Paulo e pela TV Globo.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-07528/2018. Com informações da Folhapress.



Bolsonaro pode ser punido por suposto caixa 2? Especialistas avaliam
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro pode ser punido por suposto caixa 2? Especialistas avaliam

Após matéria da Folha de S. Paulo, publicada nesta quinta-feira (18), sobre empresas apoiadoras de Jair Bolsonaro (PSL) terem comprado pacotes de mensagens contra o PT, para serem disparados a milhares de usuários do WhatsApp às vésperas do segundo turno, especialistas falaram sobre as chances de o candidato à Presidência da República ser punido.

De acordo com o mesmo jornal, ele pode ser enquadrado por três motivos: são proibidas doações de pessoas jurídicas, todo dinheiro gasto na campanha precisa ser declarado, e não é permitido usar listas de contatos compradas para espalhar conteúdos.

Após o assunto vir à tona, Bolsonaro disse desconhecer a prática e afirmou não ter como controlar a situação. “Não tenho como saber e tomar providência”, disse.

No entanto, na opinião do doutor em Direito e professor Renato Ribeiro de Almeida, é muito difícil que os empresários façam doações tão significativas sem comunicar ao candidato.

“Não consigo imaginar uma empresa doando recursos vultuosos para uma campanha sem avisar o candidato”, disse. “Uma vez beneficiado, ele também é responsável, no meu ponto de vista. Deveria ser, no mínimo, investigado", completou.

Ainda conforme a Folha, cada contrato firmado com as empresas para o "disparo em massa" custaria cerca de R$ 12 milhões.

Uma ação do tipo “afeta diretamente o processo eleitoral e beneficia um dos lados”, acrescenta o advogado Luciano Santos, diretor do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), para quem o candidato pode ser punido. “Isso vai ser apurado no processo, mas existe a figura do beneficiário consentido, que é alguém que está sendo favorecido e não toma providência para que a conduta ilícita seja interrompida”, afirma.

Em caso de comprovação da prática, pode haver a cassação do registro, caso haja decisão judicial durante a campanha; impedimento da diplomação, caso se eleja e seja responsabilizado após o pleito; ou a cassação do mandato, se já estiver exercendo o cargo. Já empresários e apoiadores que tenham bancado a divulgação de mensagens podem ser punidos com multa ou com outras medidas que a Justiça decidir aplicar.

A situação se agrava se o conteúdo espalhado for falso. “Nas redes sociais, a grande dificuldade é o WhatsApp”, diz Almeida. “Há uma dificuldade de saber de onde a mensagem vem, para quem foi entregue e o próprio aplicativo diz que não tem como saber, porque a comunicação é criptografada. Há aí um problema”, pontua.

Aqui vale o mesmo entendimento, na opinião dos especialistas, em relação à responsabilidade do candidato.

Fake news

Desde ontem, começou a circular nas redes sociais um vídeo em que o então presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, afirma que a Justiça poderá eventualmente anular o resultado de uma eleição se ele for decorrência da difusão massiva de fake news.

O Código Eleitoral prevê também a anulação de uma votação se houver algum tipo de fraude ou interferência indevida do poder econômico.

“A princípio, o que não é proibido você pode fazer”, pondera a professora Marilda Silveira, especialista em Direito Eleitoral. “A lei é clara, por exemplo, em dizer que não pode comprar banco de dados. Mas é preciso saber o que foi pago, de onde o dinheiro veio, quem é a pessoa que gastou, se foi feito para divulgação de informação, que tipo de banco de dados foi usado para isso”, prossegue.

Para ela, o uso de informações falasas pode ser um agravante. “A desinformação é uma questão muito séria, que também gera perda de mandato. Se o eleitor conhece o fato errado, a manifestação dele na urna não é livre. Isso também é grave e pode ser punido.”



Retornando às origens Triunfo faz seminário sobre café
Autor
Adriano Roberto

Retornando às origens Triunfo faz seminário sobre café

Com o objetivo de incentivar os pequenos agricultores a produzir de cafés especias, o Kaffe Torrefação e Treinamento, em parceria com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural da Prefeitura de Triunfo realizam nos próximos dias 18 e 19 de outubro de 2018, o I Seminário do Café de Triunfo – PE.

A cidade já foi uma grande produtora de café do país, no início do século passado devido ao potencial geológico e climático da região.

Neste evento, que tem o apoio do Sebrae, Sesc e ACMT (Associação Comercial do Município de Triunfo), os agricultores, comerciantes e população local poderão compreender que o café de qualidade, é uma bebida muito valorizada e apreciada no Brasil e no mundo.

O mercado de cafés especiais cresceu mais de 10% no ano passado, em plena crise econômica. A valorização do produtor e o estreitamento da cadeia produtiva do café, faz parte do movimento mundial chamado 3 Onda do Café, iniciado há mais de uma década.

A programação do evento, inteiramente gratuito, está dividida da seguinte forma:

Dia 18/10, no auditório do Sesc, das 8 às 9:30h, haverá o credenciamento dos participantes e degustação de cafés especias de Triunfo. Das 10 às 12h, ocorrerá uma mesa redonda com os convidados para apresentar o Mercado de Cafés Especiais. No período da tarde, das 13 às 16:30h, haverão quatro oficinas direcionadas os agricultores e o público presente.

Dia 19/10, na Praça Carolino Campos, junto com a Feira de Agricultura Familiar de Triunfo, ocorrerá o Café na Praça, com distribuição gratuita da café para a população da cidade. Na parte da tarde, a partir das 13h, haverá uma visita a dois sítios que trabalham com cafés selecionados.

A programação das oficinas está distribuída desta maneira:

Sala 1

Das 13 as 14:30h
Agricultura familiar como modelo de negócio – Douglas Vieira (Produtor do Sítio Cordilheiras do Caparaó do Espírito Santo)

Das 15 as 16:30h
Café é processo – Emerson Freitas (Classificador de Café: Q-Grader / Coffee Hunter e Mestre de Torra)

Sala 2

Das 13 as 14:30h
Café: A estrela dos campeonatos – Thiago Sabino (Barista Campeão Brasileiro em 2018)

Das 15 as 16:30h
Café de qualidade. Em casa e no seu negócio. – Lidiane Santos (Eleita Melhor Barista do Brasil em 2017)

Esse trabalho, foi iniciado em 2016 com oficinas de capacitação promovidas pelo Kaffe, mostrando os benefícios sociais, ambientais e econômicos para produtores da região.

Em agosto de 2017, durante a Agrinordeste, realizada no Centro de Convenções de Pernambuco, a torrefação lançou o primeiro fruto deste trabalho. Um café sombreado da variedade Typica, da produtora Edna Nairã, do Sítio Peri-Peri. Foi uma pequena quantidade, mas o suficiente para despertar o interesse pelo grão.

Atualmente, o Kaffe trabalha em parceria com o agricultor Adaildo Carvalho, do Sítio Lagoa dos Marianos. Foram obtidos quase 120 quilos de cafés selecionados e secados em terreiro suspenso.

A Secretaria de Agricultura também realizou um trabalho com o produtor Adjaci Alves de Queiroz, do Sítio Santa Maria, que produziu aproximadamente 50 kg de café de excelente qualidade



MPPE recomenda suspensão e adequação de concurso PM oficiais em Pernamuco
Autor
Adriano Roberto

MPPE recomenda suspensão e adequação de concurso PM oficiais em Pernamuco

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou às Secretarias de Administração e de Defesa Social do Estado de Pernambuco suspensão imediata, pelo prazo de 90 dias, de todos os trâmites regulares do concurso público para o preenchimento de 60 vagas no cargo de Oficial da Polícia Militar e de 20 vagas para Oficial do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco. O MPPE também orientou que os órgãos adequem o edital do certame no que diz respeito à etapa do teste de aptidão física (TAF).
 
A solicitação deve-se à falta de isonomia no TAF, especialmente no exercício de flexão de barra para candidatas mulheres. Segundo a publicação, as mulheres candidatas à Oficiais da Polícia Militar seriam submetidas a permanecer na posição de flexão de braços na barra fixa em pronação por 25 segundos; e às candidatas à Oficiais dos Bombeiros Militares seria exigido ficar na posição por 26 segundos.
 
Já para os candidatos homens, o edital exigia cinco flexões na barra fixa para os candidatos à Polícia Militar e seis para os concorrentes à Oficiais do Bombeiros Militares. Segundo a 44ª Promotoria de Justiça de Defesa de Cidadania da Capital, tais distinções de exigências entre as mulheres e homens candidatos configuraria quebra dos princípios da isonomia e livre competição para os cargos públicos, importando em verdadeira discriminação em face das candidatas mulheres, em razão de maior dificuldade do teste físico.
 
Foi dados ao Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco (IAUPE), órgão responsável pela realização do concurso, um prazo de cinco dias úteis para se manifestar sobre o cumprimento das recomendações.


O ministro da Cultura diz que artistas apoiam Bolsonaro em silêncio, por medo de retaliação
Autor
Adriano Roberto

O ministro da Cultura diz que artistas apoiam Bolsonaro em silêncio, por medo de retaliação

“Regina Duarte teve grande coragem, rompeu esse consenso e estabeleceu um diálogo. Há outros grandes nomes de atores e atrizes de cinema e teatro que apoiam mas estão com medo de retaliação. Não posso falar seus nomes. E isso é lamentável, reitera nesses ambientes homogêneos que só se comunicam pelo embate aquele princípio sartriano, em que o inferno são os outros.

Intolerância é sempre o que o outro faz. Há exemplos disso nos dois lados. Eu sigo otimista, acho que o bom senso tende a prevalecer. Sim, nós temos de um lado uma grande incógnita, porque o candidato Bolsonaro e sua equipe têm pouca familiaridade com o setor cultural. E há do outro lado também questões muito preocupantes. Eu gasto metade do meu tempo e da minha equipe resolvendo problemas herdados das gestões do PT.

Eles tiveram alguns méritos, acrescentaram coisas importantes ao repertório da Cultura, mas foram extremamente desastrosos com relação à gestão, produzindo prejuízos imensos ao erário. Não é possível aceitarmos que tenham sido acumuladas 25 mil prestações de contas sem análise no caso da Lei Rouanet, por exemplo.

E eu conheço outros artistas e produtores que não se manifestaram ainda mas criaram pontes com a campanha do Bolsonaro. Eu acho esse movimento positivo para despertar interesse do candidato na área. O presidente tem que dialogar com todos os setores da sociedade.”



Radialista de Serra Talhada acusa vereador de agressão verbal
Autor
Adriano Roberto

Radialista de Serra Talhada acusa vereador de agressão verbal

Do Blog do Nill Junior - O repórter Gilson Queiroz,  da Vilabella FM, acusou o vereador de Serra Talhada e Presidente do Serrano, André Maio. Ele cobria em Afogados da Ingazeira o jogo entre o Serrano e o Ibis, pelas oitavas de final do Pernambucano da Série A2, quando teria sido atacado verbalmente por André segundo seu próprio relato ao repórter Marconi Pereira, da Rádio Pajeú.  O jogo terminou 1×1.

“Eu fazia meu trabalho com a equipe da Vilabella FM e buscava a escalação, já que a equipe do íbis educadamente me repassou o material. Fui informado de que a listagem estava com André Maio. Ele me disse que não passaria a escalação. Pedi para que estampasse em setor visível, como é a norma. Aí ele partiu pra cima de mim usando palavras de baixo calão, me ofendeu bastante e partiu pra cima como se quisesse me agredir”.

“Fui mal tratado e desmerecido pelo Presidente que inclusive é vereador na Bancada do Governo Luciano Duque. É triste, lamentável uma situação dessas”.

Gilson disse que ao ouvir palavras ofensivas não baixou a guarda e foi contido pela turma do deixa disso. “Não dá pra citar as palavras que ele usou. E é porque se diz evangélico. Aquilo me chocou e eu fui retirado por pessoas dele mesmo dizendo que eu tinha razão, mas que evitasse. Ele se armou de pulsos para me agredir. Jamais levei uma tapa na cara nem vou levar de homem nenhum”.

O repórter afirmou que  André vinha sendo criticado pela condução do Serrano, que estava eliminado e só participou das oitavas por uma punição ao 1º de Maio, proibiu a participação de toda a imprensa de Serra Talhada para cobrir a preparação de um jogo em Petrolina. “A Globo ele deixou entrar”, reclamou Gilson Queiroz.

André maio negou as acusações. “Entreguei a escalação ao Delegado da partida. Infelizmente uma parte da imprensa de Serra Talhada torce contra o Serrano. Assumimos o Serrano quebrado, endividado. Algumas pessoas por parte da imprensa, acho que por politica, vem perseguindo a gente”, reclamou.

Quanto ao episódio, disse que entregou a escalação e cópias ao delegado do jogo. “Alguns tratam o Serrano como adversário. Estamos tirando jovens das drogas, ajudando famílias carentes. Não tenho como dar dinheiro pra falar bem de ninguém. Depois que eu entreguei, passei pra lá passei pra cá, ninguém me pediu. “Depois ele me pediu a via. Já tinha entregue todas as vias ao Delegado da partida. Se passei e eles não falaram comigo não sei porque. Teria entregado sem nenhum problema”.



Médicos da rede municipal do Recife realizam ato no Cremepe
Autor
Adriano Roberto

Médicos da rede municipal do Recife realizam ato no Cremepe

Os médicos vinculados à Prefeitura do Recife, em greve por tempo indeterminado, desde o dia 21/09 realizam nesta quinta-feira (18/10), um ato pelo Dia do Médico, às 08h30, no Conselho Regional de Medicina (Cremepe), no bairro do Espinheiro. 

Os profissionais  vão denunciar às precárias condições de trabalho e de atendimento nos postos de saúde, policlínicas, maternidades e Centro de Assistência Psicossocial (CAPs), vistoriados pelas entidades médicas. Além disso, os profissionais vão solicitar providências em relação às necessidades e serviços de assistência à população.

Os médicos reclamam que as reivindicações da categoria estão sendo tratadas  com descaso pela Prefeitura, o que mostra o descompromisso completo, com a saúde da população. Os profissionais lutam pelo cumprimento integral do Termo de Compromisso, firmado, com a Prefeitura do Recife, em janeiro passado. 

O documento sinaliza por ações de melhoria nas áreas de segurança das unidades de saúde, nas estruturas físicas, que estão precárias; recomposição das escalas médicas, melhorias no abastecimento de medicamentos, principalmente na saúde mental, e equiparação salarial ao praticado pelo governo estadual. 



Bolsonaro para no meio da rua no RJ e tira selfie com policiais
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro para no meio da rua no RJ e tira selfie com policiais

Naturalmente e ignorando qualquer esquema de segurança o candidato a presidente, Jair Bolsonaro PSL parou hoje numa blitz policial na Mangueira, subúrbio do Rio de Janeiro para tirar selfies com os policiais. Motoristas que passavam o local aproveitaram pra tirar fotos também. Veja no vídeo abaixo:



Bolsonaro chega a 70,8% e Haddad, 29,2% no RJ, indica Paraná Pesquisas
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro chega a 70,8% e Haddad, 29,2% no RJ, indica Paraná Pesquisas

A primeira pesquisa eleitoral do Paraná Pesquisas – Empiricus para o segundo turno, publicada nesta quarta-feira (17) em parceria com a Crusoé, revela que Jair Bolsonaro (PSL) tem 60,9% das intenções de votos (válidos – que excluem os brancos e indecisos) para a disputa com Fernando Haddad (PT), que fica com 30,1% em todo Brasil.

Levantamento feito no Estado do Rio de Janeiro, divulgado pelo instituto Paraná Pesquisas, nesta quarta-feira (17), mostra o deputado federal Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência

da República, com 70,8% das intenções de votos válidos, contra 29,2% do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT).

Haddad e Bolsonaro disputam o segundo turno da corrida presidencial no próximo dia 28 de outubro.

Considerando as intenções de votos totais, Bolsonaro tem 60,1% da preferência do eleitorado fluminense, contra 24,8% de Haddad. Votos brancos e nulos somam 10,3%, enquanto 4,8% não souberam responder.

No primeiro turno das eleições presidenciais, Bolsonaro foi o candidato que obteve a maioria dos votos — 49.276.990, o que corresponde a 46,03% do eleitorado. Haddad obteve 29,28% dos votos, total de 31.342.005. Os dados foram constatados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

No Rio, o capitão da reserva alcançou 59,79% dos votos; Ciro Gomes, candidato pelo PDT, ficou em segundo lugar com 15,22%; e Haddad apareceu em terceiro lugar com 14,69%. 

O instituto Paraná Pesquisas entrevistou 1.860 pessoas, em 44 municípios do Rio de Janeiro, entre os dias 14 e 16 de outubro. A margem de erro é de 2,5%, e a pesquisa tem nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-00671/2018.



Jornalista José Nêumanne Pinto: Temer é uma vergonha para Nação
Autor
Adriano Roberto

Jornalista José Nêumanne Pinto: Temer é uma vergonha para Nação

O indiciamento do presidente da República pela Polícia Federal no grotesco episódio do decreto da concessão do porto de Santos beneficiando duas empresas que fizeram doações generosas a ele e ao MDB mata a Nação de vergonha e deixa sem argumentos quem acusou o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot de abuso de autoridade no caso.

Embora tenha oscilado um ponto para cima na pesquisa Ibope sobre sua popularidade, o politico profissional Michel Temer cobre sua trajetória pública com o opróbrio, que se completa com a atuação ostensivamente incompetente de seu Ministério Extraordinário da Segurança Pública, incapaz de dar respostas satisfatórias em casos de relevante importância como o atentado contra Bolsonaro e a execução de Marielle Franco e Anderson Gomes. Quantos vexames!



Youtube sai do ar na noite desta terça e deixa internautas confusos
Autor
Adriano Roberto

Youtube sai do ar na noite desta terça e deixa internautas confusos

Usuários de várias partes do mundo, inclusive este repórter, relataram ter problemas com a rede de compartilhamento de vídeos YouTube na noite desta terça-feira (16/10) depois das 22 horas. Por conta do problema, o nome do site chegou a figurar na lista dos assuntos mais comentados do mundo no Twitter.
 
Ao tentar entrar no site, o internauta se deparava com o plano de fundo padrão, mas não conseguia selecionar ou pesquisar nenhum vídeo (veja foto acima). Alguns tiveram a reprodução suspensa enquanto assistiam a algum vídeo. A rede social chegou a voltar às 23h27min, mas caiu novamente. Às 23h44min, a visualização de vídeos se estabilizou.
 
Pelo Twitter, a equipe responsável pelo YouTube disse estar trabalhando para resolver o problema e pediu desculpas pelo inconveniente. Ainda não há contudo, informações sobre as causas da instabilidade.


Passa o efeito e Cid vai ao TSE proibir uso de sua imagem
Autor
Adriano Roberto

Passa o efeito e Cid vai ao TSE proibir uso de sua imagem

Depois de sair do controle em um ato pró Haddad e protagonizar uma das mais exóticas cenas da campanha eleitoral, Cid Gomes luta para que suas imagens não sejam utilizadas por Jair Bolsonaro. 

Ele entrou com uma representação no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) pedindo para que se proíba o uso de sua fala na propaganda do candidato de extrema direita. 

O blog BR18 explica a situação: "Cid Gomes pode não estar plenamente satisfeito em apoiar o PT na eleição presidencial. Mas isso não quer dizer que o irmão de Ciro Gomes planeja servir como munição para Jair Bolsonaro (PSL) atacar Fernando Haddad. 

O pedetista entrou na noite desta terça-feira, 16, com uma representação no TSE pedindo para que a campanha do ex-capitão não possa utilizar o vídeo onde Cid faz duras críticas ao PT  O caso está nas mãos do juiz auxiliar Luis Felipe Salomão".



Evandro Alencar retoma atividades à frente do Crea-PE
Autor
Adriano Roberto

Evandro Alencar retoma atividades à frente do Crea-PE

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), reeleito no pleito realizado no dia 15 de dezembro de 2017, engenheiro civil Evandro Alencar, retoma, após período de licenciamento, as atividades à frente do Crea-PE nesta quarta-feira, 17/10, na Reunião Plenária Extraordinária nº 1.854.

Evandro Alencar, reconduzido à presidência do Crea-PE, pelo voto direto, concluirá o seu segundo mandato em dezembro de 2020.

Candidato ao cargo de Deputado Federal em Pernambuco pelo PRTB, Evandro Alencar obteve 9.112 votos (0,21% dos votos válidos) mas não foi eleito nas Eleições 2018.



Polícia Federal indicia Temer por corrupção e lavagem de dinheiro
Autor
Adriano Roberto

Polícia Federal indicia Temer por corrupção e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal concluiu o inquérito que investigava Michel Temer e o grupo político dele sobre o recebimento de propina em troca de benefícios a empresas do setor portuário e indiciou o presidente e a filha Maristela por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

De acordo com o jornal “O Globo”, outras 10 pessoas também foram indiciadas.

O relatório final aponta que o presidente usou empresas de João Baptista Lima, coronel reformado da PM e amigo de longa data do presidente, para receber dinheiro indevido da companhia Rodrimar. 

A empresa Libra, que assim como a Rodrimar também é concessionária de áreas do porto de Santos, também foi apontada no documento da PF por cometer crimes em pagamentos.

Ainda segundo informações de “O Globo”, o relatório da Polícia Federal foi enviado ao Supremo Tribunal Federal nesta terça-feira (17), prazo máximo estabelecido pelo ministro Luís Roberto Barroso.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, também receberá o relatório e decidirá se oferece denúncia contra Temer. A PF já solicitou o bloqueio de bens de Temer e dos demais envolvidos e pediu a prisão prisão preventiva do coronel Lima, seu sócio Carlos Alberto Costa, sua mulher Maria Rita e o contador Almir Martins Ferreira, todos indiciados.

Vale lembrar que o presidente já havia sido denunciado outras duas vezes por Rodrigo Janot, antecessor de Dodge, em casos que envolveram a delação do grupo J&F. No entanto, o Congresso barrou a abertura de ação penal.

O presidente Michel Temer ainda não se manifestou sobre o relatório final da investigação, que durou 13 meses.



Feitosa pede celeridade ao Governo na Lei de Proteção aos Usuários dos Serviços Públicos
Autor
Adriano Roberto

Feitosa pede celeridade ao Governo na Lei de Proteção aos Usuários dos Serviços Públicos

A burocracia é um dos principais problemas para a economia de qualquer lugar do mundo. No Brasil, segundo a Organização Não Governamental (ONG) Endeavor, um empresário leva, em média, 80 dias para conseguir abrir a sua empresa.

Em Pernambuco, o tempo é ainda maior, chegando a 151 dias. O Banco Mundial ainda estima que no país são gastas, por ano, 2.038 horas para que uma empresa preencha os documentos necessários e pague os impostos devidos.

Pensando em simplificar esse processo, o deputado estadual Alberto Feitosa foi autor de um projeto de lei que prevê a desburocratização dos serviços oferecidos pelo Estado. A matéria foi levada ao Governo de Pernambuco e enviada para a Assembleia Legislativa para a votação.

A Lei 16.420 foi aprovada, sancionada pelo governador e publicada no Diário Oficial, de número 173, em 17 de setembro do atual ano. Nesta terça-feira (16), Feitosa usou a tribuna da Assembleia Legislativa para pleitear o cumprimento do artigo 23 da matéria, que prevê que a mesma deve ser regulamentada através de um decreto assinado pelo governador Paulo Câmara. 

A lei versa sobre a simplificação e o bom atendimento prestado aos usuários dos serviços públicos, dispensa o reconhecimento de firma e determina que a autenticação em documentos produzidos pelo Estado seja feita pelo próprio agente público. Institui também a Carta de Serviços ao Usuário e o Conselho Estadual de Defesa dos Direitos dos Usuários dos Serviços Públicos (CEDDUSP).

A matéria entrou em vigor no dia da sua publicação, porém precisa ser regulamentada através de um decreto.

“Venho pedir ao Governo que tenha a mesma celeridade com o decreto, como houve na votação desse projeto, que chegou a esta Casa em caráter de urgência.

Que seja confeccionado atendendo o que prevê a Lei 16.420/2018, no intuito de termos a aplicação do texto legal em benefício dos pernambucanos”, afirmou Feitosa. 



Em reunião com Odacy, Paulo elogia desempenho do petista em Petrolina
Autor
Adriano Roberto

Em reunião com Odacy, Paulo elogia desempenho do petista em Petrolina

O deputado estadual Odacy Amorim (PT) e a deputada estadual eleita Ducicleide Amorim (PT) reuniram-se, nesta terça-feira (16), com o governador Paulo Câmara (PSB) no Palácio do Campo das Princesas. O secretário estadual da Casa Civil, André Campos (PSB), também participou do encontro.

De acordo com o parlamentar, o governador elogiou o desempenho eleitoral do petista em Petrolina, cidade onde Odacy terminou como o majoritário, não só da Frente Popular, mas entre todos os que concorreram à Câmara Federal, alcançando mais de 30 mil votos.

“Foi uma conversa muito boa sobre o futuro de Pernambuco e da região; onde o governador avaliou de forma muito positiva o meu desempenho eleitoral em Petrolina, e o de Ducicleide também. Eu tive apenas oito mil votos a menos que Armando Monteiro lá”, destacou Odacy Amorim.



Antonio Souza divulga vídeo promovendo a paz eleitoral
Autor
Adriano Roberto

Antonio Souza divulga vídeo promovendo a paz eleitoral

O Empreendedor social Antonio Souza divulgou, na tarde desta terça-feira (16), um vídeo nas suas redes sociais promovendo a paz. “Em um tempo de tanta intolerância e ódio, vamos espalhar o amor e compartilhar a paz”, destacou.

Antonio Souza chama a atenção no vídeo para o atual momento que o Brasil está vivendo, de rivalidade política, intolerância religiosa, preconceito racial, homofobia e ideologias extremistas. Em seguida, o empreendedor social ressalta a importância do voto consciente focado em mudanças verdadeiras de união entre cor, opção sexual e ideias.

“Este é o momento em que o Brasil mais precisa de você! Vote com fé, vote sem medo e sem ódio”, finalizou Antonio Souza.

Veja o vídeo abaixo: