30 Julho 2020
Concurso de delegado para Polícia Civil PE fica vigente até janeiro de 2022

Concurso de delegado para Polícia Civil PE fica vigente até janeiro de 2022

A Polícia Civil do Estado de Pernambuco publicou o edital de concurso Polícia Civil PE  em 2016 ofertando 100 vagas para o cargo de Delegado de Polícia.

Em janeiro de 2020, a vigência do concurso público para o provimento de vagas e a formação de cadastro de reserva no cargo de Delegado de Polícia foi prorrogada por mais dois anos. Desta forma, o concurso estará válido até janeiro de 2022.

Atualmente, há 236 cargos vagos de Delegado de Polícia na Corporação.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: remuneração e benefícios

De acordo com o edital, a remuneração inicial ofertada para o Delegado de Polícia de Pernambuco é de R$ 9.069,81.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: inscrições

As inscrições para o concurso da Polícia Civil PE estiveram abertas entre os dias 07 de abril e 26 de abril de 2016, por meio do endereço eletrônico: http://www.cespe.unb.br/concursos/sds_pe_16_civil.

A taxa de participação custou R$ 200,00.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: cargos e vagas

O certame ofertou vagas para:

Delegado de Polícia
Vagas: 100 + CR
Jornada de trabalho: 40 horas semanais

Dados de julho de 2020 indicam que há 236 cargos de Delegado de Polícia desocupados.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: requisitos

Para concorrer às vagas de Delegado de Polícia, é necessário:

diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior de bacharelado em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo, categoria B (conforme previsto no Decreto Estadual nº 42.106, de 2015),e três anos de prática jurídica (na forma definida no art. 59 da Resolução nº 75, de 12 de maio de 2009, do Conselho Nacional de Justiça) ou atividade policial (nos termos do art. 144 da Constituição Federal), comprovada no ato da posse, por intermédio de documentos e certidões.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: atribuições

O Delegado de Polícia é responsável por:

dirigir, supervisionar, coordenar, planejar, orientar, executar e controlar a administração policial civil estadual, bem como as investigações e operações policiais, além de instaurar e presidir procedimentos policiais, a teor do art. 144, §4º, da Constituição Federal de 1988, arts. 102 e 103 da Constituição Estadual, do Decreto Estadual nº 39.921, de 10 de outubro de 2013, e demais normas jurídicas pertinentes.

Concurso Polícia Civil PE Delegado: etapas

O certame compreendeu duas etapas:

Primeira etapa

  • prova objetiva (P1) – de caráter eliminatório e classificatório;
  • prova discursiva (P2) – de caráter eliminatório e classificatório;
  • prova de capacidade física (P3) – de caráter eliminatório;
  • Avaliação psicológica (P4)- de caráter eliminatório;
  • Exame médico (P5) – de caráter eliminatório;
  • Investigação social (P6) – de caráter eliminatório;
  • Avaliação de títulos ( P7) – de caráter classificatório; e

Segunda etapa

  • Curso de Formação (P8) – de caráter eliminatório e classificatório;

Prova objetiva

A prova objetiva para o cargo de Delegado de Polícia teve a duração de 4 horas e foi aplicada no dia 19 de junho de 2016, no turno da manhã.

Disciplinas

As provas objetivas versaram sobre:

  • Conhecimentos específicos
    Medicina legal
    Criminologia
    Legislação Estadual
    Direito Penal
    Direito Processual Penal
    Legislação Penal e Processual Penal Extravagante
    Direito Constitucional
    Direito Administrativo
    Direito Civil e Empresarial
    Direito Tributário
    Direito Ambiental
    Direito Eleitoral

Estrutura da prova

A prova consistiu de 100 questões do tipo múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E), sendo uma única resposta correta, e valeu 100,00 pontos.

Foi reprovado na prova objetiva e eliminado do concurso o candidato que obteve nota inferior a 30,00 pontos.

Prova discursiva

A prova discursiva para o cargo de Delegado de Polícia teve a duração de 4 horas e foi aplicada no dia 19 de junho de 2016, no turno da tarde.

Esta prova valeu 50,00 pontos e consistiu em duas partes:

  • duas questões dissertativas de até 10 linhas cada; e
  • uma peça de natureza cautelar de até 60 linhas.

Prova de Capacidade Física

Foram convocados para a prova de capacidade física os candidatos aprovados na prova discursiva.

Os candidatos foram submetidos aos seguintes testes:

  • flexão de braço na barra fixa (sexo masculino) ou estático de barra (sexo feminino);
  • impulsão horizontal (ambos os sexos);
  • natação (ambos os sexos); e
  • corrida de 12 minutos (sexos masculinos e feminino).

Avaliação Psicológica

Os candidatos aptos na prova de capacidade física foram convocados para a avaliação psicológica.

Esta fase permite identificar a compatibilidade das características psicológicas do candidatos com os requisitos necessários e os restritivos ao desempenho das atribuições do cargo.

Para o cargo de Delegado de Polícia, foram avaliadas as seguintes características:

responsabilidade, controle emocional, trabalho em equipe, inteligência, tomada de decisão, iniciativa, relacionamente interpessoal, atenção dividida, planejamento, persitência, meticulosidade, dinamismo, raciocínio espacial, memória visual, atenção concentrada, organização, raciocínio abstrato e raciocínio verbal.

Exame Médico

Para o Exame Médico, foram convocados os candidatos aprovados na avaliação psicológica.

Esta fase tem como objetivo aferir se o candidato goza de boa saúde física e psíquica para suportar os exercícios a que são submetidos durante o Curso de Formação inicial Técnico-Profissional e para desempenhar as tarefas típicas da categoria funcional.

Investigação Social

Foram convocados para a entrega da documentação referente à investigação social os candidatos considerados aptos no exame médico.

A fase de Investigação Social verifica a conduta irrepreensível e a idoneidade moral necessária ao exercício do cargo.

Avaliação de Títulos

A Avaliação de Títulos valeu 17,10 pontos e analisou os seguintes títulos:

Concurso Polícia Civil PE Delegado: avaliação de títulos

Concurso Polícia Civil PE Delegado: avaliação de títulos

Curso de Formação

Foram convocados para o Curso de Formação os candidatos considerados aprovados e classificados, dentro do número de vagas ofertadas, na primeira etapa do concurso.

O Curso de Formação verificou do candidato o preenchimento dos seguintes requisitos:
conduta ilibada, na vida pública e privada;
aptidão;
disciplina;
assiduidade;
dedicação;
eficiência;
responsabilidade;
obtenção de média 60,00 pontos em cada matéria ministrada; média global 60,00 pontos, conforme regulamento interno; e com, no mínimo, 75% de frequência às aulas.

Concorrência

No concurso de 2016, 13.667 candidatos se inscreveram para concorrer às 100 vagas ofertadas para Delegado de Polícia.

Uma demanda total de 136,67 inscritos por vaga.

Nomeações

De acordo com dados de julho de 2020, 141 delegados de polícia aprovados no concurso de 2016 foram nomeados.

Motivos para fazer o concurso

A remuneração do cargo é muito atrativa.

Resumo do concurso Polícia Civil PE Delegado

Concurso Polícia Civil do Estado de Pernambuco (concurso Polícia Civil PE Delegado)
Banca organizadora Centro Brasileiro de Pesquisa em
Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe)
Cargos Delegado
Escolaridade nível superior
Carreiras policial
Lotação Pernambuco
Número de vagas 100 vagas
Remuneração R$ 9.069,81
Inscrições de 07/04/2016 a 26/04/2016
Taxa de inscrição R$ 200,00
Data da prova objetiva 19/06/2016
Link do edital Clique AQUI para fazer o download do edital do concurso Polícia Civil PE Delegado 2016