Blog do Adriano Roberto


Bolsonaro recua de corte de orçamento no MEC
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro recua de corte de orçamento no MEC

Do UOL - Na véspera do que deve ser a primeira grande greve do seu governo, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) determinou hoje que não haja mais cortes orçamentários no Ministério da Educação (MEC).

A ordem foi passada por telefone ao ministro da pasta, Abraham Weintraub, nesta tarde. Líderes partidários reunidos com o presidente no Palácio do Planalto presenciaram o telefonema.

"O presidente ligou para o ministro na nossa frente e pediu para rever. O ministro tentou contra-argumentar, mas não tem conversa", disse ao UOL o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO).

O deputado afirmou que o valor contingenciado não será cortado em outra pasta.



Ambev tem oportunidade de emprego na Bahia e em Pernambuco
Autor
Adriano Roberto

Ambev tem oportunidade de emprego na Bahia e em Pernambuco

A Cervejaria Ambev está com vagas de emprego para as áreas de vendas e industrial. As oportunidades são para os Centro s de Distribuição em Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Ilhéus, Olinda e Caruaru. Há vagas ainda para as cervejarias que ficam em Camaçari e Itapissuma.

As vagas são para contrato imediato e para o banco de talentos. Os salários variam de acordo com o cargo. A Companhia oferece diversos benefícios como assistência médica e odontológica, abono assiduidade, vale transporte, ticket alimentação, previdência privada, seguro de vida, convênio farmácia, entre outros. Os interessados devem se inscrever apenas através do site. Não serão aceitos currículos nas unidades da empresa.



Bolsonaro embarca para os EUA nesta terça-feira
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro embarca para os EUA nesta terça-feira

O presidente Jair Bolsonaro embarca nesta terça-feira (14), às 23h, para a cidade de Dallas, no Texas, onde permanecerá por duas noites para encontros com autoridades locais. Um dos principais momentos da viagem ocorrerá na tarde de quarta-feira (15), quando Bolsonaro terá uma reunião privada com o ex-presidente norte-americano George W. Bush, que governou os Estados Unidos entre 2001 e 2009. Apesar de Bush ser adversário político do atual presidente dos EUA, Donald Trump, de quem Bolsonaro tem se aproximado, o governo brasileiro não vê problema no encontro entre ambos. 

"Esse encontro vem demonstrar a forma como o nosso presidente identifica o relacionamento político em amplo espectro. O fato do ex-presidente George W, Bush eventualmente fazer considerações contrária ao atual presidente, não inviabiliza, do ponto de vista político e da relação institucional, que o presidente Jair Bolsonaro vá ao encontro daquela autoridade", disse hoje (13) o porta-voz do Palácio do Planalto Otávio Rêgo Barros, em coletiva de imprensa.

Além de Bush, o presidente brasileiro vai se encontrar com o governador do Texas, Greg Abbot, o prefeito de Dallas, Mike Rawlings, e o senador texano Ted Cruz. Na quinta-feira (16), Bolsonaro será homenageado como personalidade do ano pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos. Anteriormente, essa homenagem seria entregue em evento na cidade de Nova York, mas o governo brasileiro cancelou a agenda na cidade após críticas do prefeito nova iorquino, Bill de Blasio, a visita de Bolsonaro. A comitiva presidencial estará de volta ao Brasil na manhã de sexta-feira (17).

O porta-voz do governo federal também comentou sobre o recrudescimento da guerra comercial entre China e Estados Unidos. Hoje, os chineses anunciaram a elevação para 25% nas tarifas contra mais de 5,1 mil produtos importados dos Estados Unidos, no total de mais de US$ 60 bilhões. 

A medida, que passará a valer a partir de 1º de junho, foi uma retaliação da China à decisão dos EUA, na semana passada, de elevarem de 10% para 25% as tarifas sobre produtos chineses, totalizando custos de US$ 200 bilhões. Para Rêgo Barros, a disputa entre as duas maiores potências econômicas do planeta acarreta danos a todos os países.    

"O governo brasileiro espera que os EUA e a China resolvam seus problemas comerciais, pois são os dois maiores parceiros do nosso país. Eventualmente, o Brasil pode beneficiar-se, não obstante, qualquer problema entre as duas maiores economias naturalmente vai acarretar dano a todo mundo", disse. 

Com informações da Agência Brasil



Deputados reclamam desprestígio e ameaçam debandada do PSL
Autor
Adriano Roberto

Deputados reclamam desprestígio e ameaçam debandada do PSL

Da coluna Radar na Veja - Não é bom o clima no PSL. Há um grupo de cerca de 15 parlamentares do partido que reclama falta de prestígio – cargos e emendas – junto ao governo.

O grupo esteve reunido com Onyx Lorenzoni há menos de um mês para externalizar a insatisfação. Não rendeu. Com dor de barriga, o ministro ficou de remarcar o encontro.

“Mostra a foto da bancada para Jair Bolsonaro e veja quantos nomes ele acerta. Aposto que ele não conhece a metade”, disse um deputado insatisfeito.

Caso não sejam atendidos, os dissidentes já estudam uma debandada do PSL após a votação da reforma da Previdência.

“Quero ver não atender a gente se formarmos uma nova bancada”, completou o parlamentar.



Operação da PF afasta prefeito de Ilhabela e mais 5 por corrupção
Autor
Adriano Roberto

Operação da PF afasta prefeito de Ilhabela e mais 5 por corrupção

O prefeito de Ilhabela, Márcio Batista Tenório (PMDB) foi afastado de sua função após a PF (Polícia Federal) realizar, na manhã desta terça-feira (14), uma operação para combater crimes de fraude à licitação, superfaturamento de preços, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e associação criminosa, em São Sebastião, litoral de São Paulo.

Na Operação Prelúdio II, a polícia cumpriu 21 mandados de busca, três de prisão preventiva, seis de afastamento da função pública  e um de medida cautelar diferente da prisão.

De acordo com as autoridades, a investigação mirou irregularidades em diversos contratos de obras públicas em São Sebastião. Segundo a polícia, uma empresa contratada para processar resíduos de podas e folhas e para a construção civil, transferia parte dos pagamentos recebidos pela execução do contrato à conta corrente de um laranja, que repassava o dinheiro a um agente público, responsável pela fiscalização do contrato.



DETRAN PE promove blitz educativa em Timbaúba
Autor
Adriano Roberto

DETRAN PE promove blitz educativa em Timbaúba

Com o objetivo de chamar a atenção dos condutores sobre os perigos do trânsito e o alto índice de mortes e feriados, técnicos da Coordenação de Educação para o Trânsito do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, agentes de trânsito das Operações Rota de Fuga – ORF, e Trânsito Seguro – OTS, Guarda Municipal, Universidade de Pernambuco - UPE, e Federação Pernambucana de Motociclismo – FEPEM, realizaram blitz educativa em Timbaúba, Zona da Mata Norte. A ação faz parte do Movimento Maio Amarelo 2019, que esse ano trabalha sob o slogan “No trânsito, o sentido é a vida”, com foco nos adolescentes e adultos.
 
O Maio Amarelo não é apenas uma campanha, mas sim uma ação, onde toda a sociedade é convidada a participar de debates sobre trânsito e como torná-lo mais seguro. Um assunto que preocupa diversos países e que precisa ser conversado. A ideia é definir ações mais eficazes para promover a conscientização de motoristas, pedestres e motociclistas. No local, a equipe entregou peças educativas com dicas de boas práticas no trânsito e fitilhos amarelos.



Pacote apoiado por Moro impediria sua indicação ao STF
Autor
Adriano Roberto

Pacote apoiado por Moro impediria sua indicação ao STF

Da coluna Bernardo Mello Franco no UOL - O presidente Jair Bolsonaro anunciou, neste domingo, que indicará o ministro Sergio Moro para a próxima vaga no Supremo Tribunal Federal.

A promessa contraria o pacote de 70 medidas contra a corrupção apoiado pela força-tarefa da Lava-Jato e pelo próprio ministro da Justiça.

A 29ª medida do pacote proíbe a indicação ao STF de quem tenha, nos quatro anos anteriores, "ocupado mandato eletivo federal ou cargo de procurador-geral da República, advogado-geral da União ou ministro de Estado".

A regra impediria a nomeação de Moro, que assumiu o Ministério da Justiça em janeiro de 2019.

Se aprovado, o pacote anticorrupção também pode frustrar uma eventual candidatura do ex-juiz ao Planalto depois de ocupar vaga na Corte. A proposta estabelece que os ministros do STF ficarão inelegíveis para qualquer cargo público no prazo de até quatro anos depois de deixarem o tribunal.

Moro já deu uma demonstração pública de apoio ao pacote. Em dezembro, ele se deixou fotografar com o livro "Novas Medidas Contra a Corrupção". Estava no avião a caminho do Rio, para se encontrar com Bolsonaro e aceitar o cargo no governo.



Onyx afirma que Moro e Guedes compartilharão dados do Coaf
Autor
Adriano Roberto

Onyx afirma que Moro e Guedes compartilharão dados do Coaf

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta 6ª feira (10.mai.2019), em entrevista à Rádio Gaúcha, que o governo do presidente Jair Bolsonaro está preparando uma portaria interministerial para que os ministérios da Justiça e Segurança Pública e o da Economia compartilhem informações do Coaf (Conselho de Controle e de Atividades Financeiras), responsável por apurar casos de lavagem de dinheiro.

A declaração foi feita 1 dia após o governo ser derrotado pela comissão mista que analisa a Medida Provisória 870, que trata sobre reforma administrativa dos ministérios do governo do presidente Jair Bolsonaro. O parecer aprovado, do relator Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), foi pela manutenção do Coaf para Economia.

“Tenho dialogado com Moro e Guedes, que já declarou que toda a equipe do Moro fica intacta. Vamos preparar uma portaria de compartilhamento entre as Pastas. Tudo aquilo que é possível ser feito compartilhamento, vai ter uma portaria interministerial entre o Ministério da Justiça e o Ministério da Economia para permitir este compartilhamento“, disse Onyx.

O ministro da Casa Civil disse não enxergar como derrota a decisão da comissão mista. Segundo ele, o governo continuará a lutar para que o Coaf fique sob o comando Ministério da Justiça.

“A realocação é competência do Parlamento. Nós estamos lutando, lutamos na comissão e ainda temos instâncias. O plenário dessas duas Casas, a gente continuará lutando“, disse, confirmando a declaração do porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, feitas na 5ª feira (9.mai.2019).

No início do ano, ao reestruturar a Esplanada dos Ministérios, reduzindo o número de pastas do governo, Bolsonaro havia transferido o Coaf do então ministério da Fazenda para o ministério da Justiça.

Onyx ainda criticou o antigo sistema de “toma lá, da cá”, existente em governos anteriores, classificando-o como “portaria fechada para roubar“.

“O presidente nomeou seus 22 ministros com absoluta independência. Estamos reconstruindo a forma de fazer relação entre Parlamento e o Poder Executivo. Foram 30 anos de uma forma que terminou no Petrolão. Ninguém mais quer isso. Presidente Bolsonaro diz sempre que jamais vai jogar dominó com Lula em Curitiba“, afirmou.



Concursos estão com mais de 5 mil vagas abertas maioria em SP, mas têm em PE e PB
Autor
Adriano Roberto

Concursos estão com mais de 5 mil vagas abertas maioria em SP, mas têm em PE e PB

Concursos públicos são uma boa alternativa para quem quer fugir do desemprego e se colocar novamente no mercado de trabalho. As oportunidades existem para todos os níveis de escolaridade, desde o fundamental, até ensino superior. São mais de 5 mil vagas para cargos e funções distintos, e com salários de até R$ 24 mil.

É o caso do concurso oferecido pela Defensoria Pública do Distrito Federal, em que 12 vagas de defensor público de segunda categoria são ofertadas. Mas vale ressaltar outras oportunidades, como as da Polícia Militar de São Paulo, que abriu edital com 2.700 vagas para soldado de 2ª classe.

Fique atento e não perca os prazos de inscrição.

Defensoria Pública do Estado (DF)
Vagas:
 12
Níveis: superior
Cargos: Defensor público de segunda categoria
Valor da inscrição: R$ 170,00
Salários: R$ 24.668,75
Prazo de inscrições: de 24 de abril até 13 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Guarda Civil Municipal de Belo Horizonte (MG)
Vagas: 
500
Nível: médio
Cargos: guarda civil municipal
Valor da inscrição: R$ 92,50
Salário: R$ 1.851,21
Prazo de inscrições: de 15 de abril até 14 de maio de 2019.
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Prefeitura de Valinhos (SP)
Vagas: 
149
Níveis: Fundamental, médio e superior
Cargos: agente administrativo, guarda civil, técnico em enfermagem, assistente social, enfermeiro, psicólogo, pintor de obras, pedreiro, analista de TI e professor de educação física
Valor da inscrição: de R$ 44,50 a R$ 82,20
Salários: de R$ 1.497,00 a R$ 8.428,68
Prazo de inscrições: até o dia 16 de maio
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Ministério Público De Contas - PA
Vagas: 
9
Níveis: médio e superior
Cargos: Analista Ministerial – Especialidade: Administração, Analista Ministerial – Especialidade: Ciências Contábeis, Analista Ministerial – Especialidade: Comunicação Social, Analista Ministerial – Especialidade: Controle Externo, Analista Ministerial – Especialidade: Direito, Analista Ministerial – Especialidade: Engenharia Civil, Analista Ministerial – Especialidade: Tecnologia da Informação, Assistente Ministerial de Controle Externo E Assistente Ministerial de Informática
Valor da inscrição: de R$ 100,00 a R$ 200,00
Salários: de R$ 4.760,00 a R$ 8.553,37
Prazo de inscrições: até dia 24 de maio de 2019.
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

SEECT – Secretaria de Estado da Educação, da Ciência e Tecnologia - PB
Vagas:
 950
Níveis: Superior
Cargos: Professor de educação básica III – Artes, Educação, Língua Espanhola, Língua Inglesa, Língua Portuguesa, Biologia, História, Geografia, Química, Matemática e Sociologia
Valor da inscrição: R$ 39,00
Salários: R$ 2.110.12
Prazo de inscrições: até dia 6 de junho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Prefeitura do Município de Carapicuíba - SP
Vagas:
 136
Níveis: médio e superior
Cargos: Agente Comunitário de Saúde, Médico Cardiologista, Médico Clínico Geral, Médico Dermatologista, Médico Ginecologista, Médico Infectologista, Médico Neurologista, Médico Oftalmologista, Médico Ortopedista, Médico Pediatra, Médico Psiquiatra, Médico Ultrassonografista e Médico Vascular
Valor da inscrição: R$ 23,70
Salários: de R$ 1.014,00 a R$ 10.710,50
Prazo de inscrições: até dia 15 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso nos editais (1) e (2).

Polícia Militar - SP
Vagas:
 190
Níveis: Médio
Cargos: Aluno-Oficial PM
Valor da inscrição: R$ 130,00
Salários: R$ 3.116,76
Prazo de inscrições: até o dia 6 de junho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Ministério Público – SP
Vagas:
 28
Níveis: Médio
Cargos: auxiliar de promotoria
Valor da inscrição: R$ 80,00
Salários: R$ 2.789,81
Prazo de inscrições: até o dia 22 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

 

Câmara de Piracicaba - SP
Vagas:
 14
Níveis: fundamental, médio e superior
Cargos: advogado, motorista, agente administrativo, programador, agente legislativo, repórter fotográfico, técnico em contabilidade, administrador de rede, analista de sistemas, arquivista, designer gráfico e jornalista
Valor da inscrição: de R$44,50 a R$82,20
Salários: de R$ 3.607,42 a R$ 5.815,75
Prazo de inscrições: até o dia 27 de maio
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Prefeitura Municipal de Cariré - CE
Vagas:
 58
Níveis: fundamental, médio e superior
Cargos: Analista em tecnologia da informação, cirurgião dentista, médico, enfermeiro, farmacêutico, fiscal de obras e posturas, fiscal de tributos e arrecadação, fisioterapeuta, guarda municipal, médico auditor, médico plantonista, médico psiquiatra, nutricionista, operador de máquinas pesadas, professor (matemática, geografia, história, português, infantil), psicólogo, psicopedagogo, técnico em enfermagem
Valor da inscrição: de R$ 80,00 a R$ 140,00
Salários: de R$ 998,00 a R$ 12.000,00
Prazo de inscrições: até o dia 27 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Polícia Militar - SP
Vagas:
 2700
Níveis: médio
Cargos: Soldado PM de 2ª Classe
Valor da inscrição: R$ 50,00
Salários: R$ 3.164,58
Prazo de inscrições: até dia 13 de junho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Prefeitura de Guarulhos – SP
Vagas:
 53
Níveis: fundamental e médio
Cargos: Técnico de saúde em radiologia, agente de serviços de saúde, condutor de veículo de urgência, auxiliar em saúde, técnico de saúde, atendente SUS, técnico de diagnósticos, agente de serviços de saúde, técnico de saúde em enfermagem, auxiliar em saúde bucal, técnico de saúde em necropsia, prático em farmácia e técnico de saúde bucal
Valor da inscrição: de R$ 43,53 a R$ 64,82
Salários: de R$ 1.213,96 a R$ 2.501,38
Prazo de inscrições: até o dia 10 de junho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Banco de Brasília - DF
Vagas: 
12
Níveis: superior
Cargos: Analista de tecnologia da informação, engenheiro de segurança do trabalho e médico do trabalho
Valor da inscrição: R$ 63,00
Salários: de R$ 7690,22 a R$ 11.041,46
Prazo de inscrições: de 9 de junho até 15 de julho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Banco de Brasília - DF
Vagas:
 100
Níveis: médio
Cargos: Escrituário
Valor da inscrição: R$ 56,00
Salários: R$ 3.204,26
Prazo de inscrições: de 9 de junho até 15 de julho de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Fundação Hospitalar Getúlio Vargas - Sapucaia do Sul -RS
Vagas:
 57
Níveis: Superior
Cargos: Médico (diversas áreas)
Valor da inscrição: R$ 100,00
Salários: de R$ 4.206,34 a R$ 11.154,86
Prazo de inscrições: até o dia 20 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Fundação Hospitalar Getúlio Vargas-Tramandaí - RS
Vagas:
 86
Níveis: médio, técnico e superior
Cargos: Médico (diversas áreas), técnico em enfermagem instrumentação cirúrgica
Valor da inscrição: R$ 60,00 e R$ 100,00
Salários: de R$ 1.587,55 a R$ 8.140,78
Prazo de inscrições: até o dia 20 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.

Prefeitura Municipal de Petrolina - PE
Vagas:
 40
Níveis: médio
Cargos: Guarda civil classe nível inicial
Valor da inscrição: R$ 125,00
Salários: R$ 3.261,48
Prazo de inscrições: até o dia 15 de maio de 2019
Veja mais detalhes sobre concurso no edital.



Lula pede ao STJ para cumprir pena em regime aberto
Autor
Adriano Roberto

Lula pede ao STJ para cumprir pena em regime aberto

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou hoje (11) que recorreu da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de reduzi a condenação de Lula no caso do tríplex do Guarujá (SP) de 12 anos e um mês para 8 anos e 10 meses de prisão. Na petição apresentada, os advogados pedem que Lula deixe a carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba e passe para o regime aberto de cumprimento da pena.

No recurso, os advogados Cristiano Zanin e Valeska Teixeira sustentam que o tribunal deixou de analisar algumas teses defensivas. Segundo a defesa, o ex-presidente não praticou nenhum ato e não recebeu qualquer vantagemindevida para beneficiar a empreiteira OAS, responsável pela construção do imóvel.

Ao pedir a a nulidade da sentença com base nas alegações, a defesa pede que seja garantido ao ex-presidente o direito de cumprir o restante da pena em regime aberto.

"O embargante [Lula] não praticou nenhum dos crimes aqui imputados ou outros de qualquer natureza que seja. Não obstante, não se pode ignorar que essa defesa técnica tem o dever ético de buscar, por todos os meios legais,a liberdade do patrocinado sob todos os aspectos viáveis, sem prejuízo de preservar e reafirmar a garantia da presunção da inocência", diz a defesa.

Lula está preso desde abril do ano passado na carceragem da Superintendência da PF na capital paranaense. A prisão foi determinada pela Justiça Federal, com base no entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) que autorizou a prisão após o fim de recursos na segunda instância da Justiça. Com informações da Agência Brasil



Defesa de Temer entra com habeas corpus no STJ
Autor
Adriano Roberto

Defesa de Temer entra com habeas corpus no STJ

A defesa do ex-presidente Michel Temer apresentou nesta quinta-feira, 9, um pedido de habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Nesta quarta-feira, 8, a Primeira Turma do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) decidiu que Temer e o coronel da reserva da Polícia Militar paulista João Baptista Lima Filho deveriam ser presos novamente. Por 2 votos 1, a turma revogou a liminar que havia liberado os dois da prisão quatro dias após serem detidos, em março.

A relatoria do processo no STJ ainda não foi definida, mas há uma expectativa de que o habeas corpus seja encaminhado para o ministro Antonio Saldanha, segundo apurou o Broadcast Político, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

A Justiça concedeu ao ex-presidente a possibilidade de se apresentar espontaneamente até às 17h desta quinta-feira. Se até lá Temer não se entregar, a Polícia Federal irá prendê-lo.

Temer e coronel Lima são alvos da Operação Descontaminação, desdobramento da Operação Lava Jato no Rio para investigar supostos desvios em contratos de obras na usina Angra 3, operada pela Eletronuclear. Os investigadores apontam desvios de R$ 1,8 bilhão.



Governo estuda liberar recursos de contas inativas do FGTS
Autor
Adriano Roberto

Governo estuda liberar recursos de contas inativas do FGTS

Com o Brasil estagnado e as altas taxas de desemprego que vem atingindo o país, o governo vê na reestruturação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço uma nova forma de estimular a economia.

Agora, segundo informações do jornal 'O Globo', a equipe econômica avalia repetir medida adotada pelo ex-presidente Michel Temer e liberar recursos de contas inativas do FGTS. 

Em dezembro de 2016, Temer autorizou o saque das contas inativas. O saque beneficiou 25,9 milhões de trabalhadores e injetou R$ 44,4 bilhões na economia em 2017. 

Segundo fontes do governo, a ideia seria permitir uma nova rodada de saques. Para isso, será preciso aprovação do Congresso.