Blog do Adriano Roberto


Veja temas que devem ser discutidos entre Bolsonaro e Trump hoje
Autor
Adriano Roberto

Veja temas que devem ser discutidos entre Bolsonaro e Trump hoje

A agenda internacional do presidente Jair Bolsonaro será intensa nesta segunda quinzena de março e prossegue assim até o próximo semestre. Além dos Estados Unidos, Chile e Israel, há viagens programadas para o Japão e a China.

Na primeira visita ao exterior de caráter bilateral, o presidente Jair Bolsonaro viajou com uma comitiva de seis ministros, no último domingo (17), para Washington, capital dos Estados Unidos. O encontro com o presidente norte-americano Donald Trump, na Casa Branca, está marcado para esta terça-feira (19).

“A visita é a primeira de caráter bilateral realizada pelo nosso presidente ao exterior demonstrando a prioridade que o governo atribui à construção de uma sólida parceira com os Estados Unidos da América”, afirmou o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros.

Estão com Bolsonaro os ministros Paulo Guedes, da Economia; Sérgio Moro, da Justiça; Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Institucional (GSI); Ernesto Araújo, das Relações Exteriores; Tereza Cristina, ministra da Agricultura, e Ricardo Salles, do Meio Ambiente.

Alguns pontos que constarão na pauta de discussão entre os chefes de Estado, segundo confirmação do governo americano, estão oportunidades para cooperação na área militar; como construir um “Hemisfério Ocidental mais próspero, seguro e democrático”; restauração da democracia na Venezuela e esforços para entregar a ajuda humanitária no país; políticas comerciais que favoreçam o crescimento econômico, além do combate ao crime transnacional.

“A viagem aos Estados Unidos tem por objetivo promover uma agenda de resultados positivos em diversas áreas, destravando temas que já estavam na pauta e abrindo novas oportunidades”, afirmou o porta-voz, em coletiva de imprensa, durante a semana.

Na Casa Branca, Bolsonaro será recebido por Trump, que apresentará sua equipe. Em seguida, vão para o Salão Roosevelt, onde o presidente brasileiro assina o livro de visitas. Depois, os presidentes se reúnem no Salão Oval, onde terão um encontro privado.

Haverá ainda uma reunião ampliada entre as duas equipes, seguida de um almoço de trabalho. Ao final, Bolsonaro e Trump darão uma declaração conjunta à imprensa, no Rose Garden, o jardim da Casa Branca, encerrando o encontro bilateral.



Acordo de Alcântara é bom, pode acolher várias nações, mas tem que passar pelo Congresso
Autor
Adriano Roberto

Acordo de Alcântara é bom, pode acolher várias nações, mas tem que passar pelo Congresso

Os governos do Brasil e dos Estados Unidos firmam um acordo de salvaguardas tecnológicas para utilização da Base de Lançamento de Alcântara, no Maranhão. A confirmação das negociações ocorreu, durante a visita do presidente Jair Bolsonaro que está ocorrendo nos Estados Unidos.

Sem entrar em detalhes sobre os termos do acordo, o presidente disse que o objetivo é transformar a base em “principal ponto para lançamento de foguetes”. Bolsonaro acrescentou que, desde o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010), há um esforço para negociar os termos da parceria relacionada a Alcântara. Porém, segundo ele, a questão “ideológica” atrapalhou.

Vários países namoram com a base de Alcântara, no Pará, Brasil, pela posição geológica de entrada na atmosfera do espaço. Estudos mostram que, em relação ao Cabo Canaveral, estação de lançamento americana, a rota de entrada na atmosfera de Alcântara dá uma economia de combustível de até 30%. 

Passa pelo Congresso

Lembrando que ao assinar o compromisso de exploração da base brasileira, o projeto tem que passar pelo crivo do Congresso Nacional (Câmara e Senado). Com informações da EBC.



Terceiro suspeito de massacre em escola de Suzano é apreendido
Autor
Adriano Roberto

Terceiro suspeito de massacre em escola de Suzano é apreendido

O terceiro suspeito de participar do massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), na última quarta-feira (13), foi apreendido pela polícia, nesta terça-feira (19). O ataque deixou 10 mortos.

Na semana passada, ele chegou a ser ouvido pelo Ministério Público, que avaliou não ser necessária a sua apreensão, por não considerá-lo uma ameaça às investigações, contrariando pedido da Polícia Civil.

Durante o depoimento, o jovem negou ter participado do crime, mas disse que esperava ter sido convidado pelos colegas.

"Ele não sabe dizer por que não foi convidado e esperava ter sido convidado", disse o delegado Ruy Ferraz Fortes, responsável pelas investigações.

O adolescente, de 17 anos, também confirmou que Guilherme Monteiro, 17, e Luiz Henrique de Castro, 25, já haviam comentado com ele sobre o desejo de praticar um atentado na escola. Ainda afirmou que chegou a sugerir que usassem explosivos e bombas.

A polícia realizou buscas na casa dele e localizou coturnos parecidos com os usados pela dupla criminosa. Além disso, anotações em códigos também foram apreendidas.

"Ele tinha ligação direta com todo o planejamento, ajudou a iniciar toda a execução e não participou da ação. É muito perigoso, do nosso ponto de vista, deixá-lo em liberdade. Ele pode e já disse em depoimento que queria ter participado e que gostaria de fazer isso", disse Fortes.

Em nota, ainda na última sexta-feira (15), o MP adiantou que havia pedido "a realização de diligências complementares por parte das autoridades policiais para, posteriormente, se for o caso, pedir a sua internação [do jovem], como determina o ECA".



Ex-governador Beto Richa volta a ser preso em Curitiba
Autor
Adriano Roberto

Ex-governador Beto Richa volta a ser preso em Curitiba

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) voltou a ser preso, pela terceira vez, na manhã desta terça-feira (19), no apartamento onde mora, em Curitiba (PR), por suspeita de corrupção.

Desta vez, a ação é um desdobramento da Operação Quadro Negro, que investiga o desvio de R$ 20 milhões em obras que deveriam ter sido executadas em escolas públicas do Paraná, conforme destaca o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Leonir Batisti.

O empresário Jorge Atherino, apontado pelo Ministério Público como operador financeiro de Beto Richa, e Ezequias Moreira, ex-secretário especial de Cerimonial e Relações Exteriores do Paraná, também foram presos.



Bolsonaro não é Obama, ele é Rambo!
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro não é Obama, ele é Rambo!

Por Luciano Guimarães

JAIR CHOCA MESMO!

"Se você está chocado com a falta de refinamento de Jair Bolsonaro, melhor já ir se acostumando. Temos ainda três anos e dez meses de mandato pela frente e ele NÃO vai mudar. Jair Bolsonaro é sem meias palavras, sem  polidez, fala o que pensa, não mede as palavras, é rude, grosso, tosco,  estabanado, grosseiro. E exatamente por isso foi eleito.

Os brasileiros poderiam ter optado por Alckmin ou Meirelles, teoricamente mais bem educados e preparados . Mas todo mundo sabe que Alckmin e Meirelles perderam a eleição por serem ladrões mansos, muito educados - para falar e muito preparados para roubar. Quando o momento pedia um braço de ferro para desinfetar o petismo das entranhas do governo, eles não fizeram porque estavam com rabo PRESO. 

O jeito de Jair Bolsonaro não é surpresa para ninguém. Ou já se esqueceram dos embates com Bonner e Renata no Jornal Nacional, com Miriam Leitão na GloboNews, ou com Maria do Rosário ou Jean Wyllys no Congresso Nacional? Esse é Jair Bolsonaro.

No segundo turno os brasileiros poderiam ter escolhido Haddad,  fala educada e mentirosa, o jeito refinado e a elegância de um tipico ladrão de casaca, aonde escondia os planos mais perversos para fechar o País.
Com ideologias de gêneros e outras atrocidades. Mas o povo não estava mais dispostos a eleger ninguém da laia do PT para serem roubados descaradamente enquanto ouviam um papo legal de alguém com um sorriso no rosto e de grandes mentiras. Aonde obedecia ordens do chefe da sua quadrilha, de dentro da cadeia.

Jair Bolsonaro não vai fazer grandes discursos. Não será lembrado por grandes pronunciamentos. E provavelmente vai continuar chocando quem achava que ele se transformaria em um príncipe encantado assim que colocasse os pés na presidência. Haverá alguns sobressaltos no caminho, que passam tão logo a gente se lembra de qual era a outra opção."

Mas, ele tentará colocar esse País afundado de roubos e corrupção em Ordem novamente. E é isso o que o povo espera e quer e não de falas e promessas bonitas.

Acostume-se. O Povo Brasileiro, precisa de Ordem e Progresso e ele fará, usando  tratamento de choque! 

Jair Bolsonaro não é Obama, é Rambo!



Procuradores da equipe de Raquel Dodge pedem demissão
Autor
Adriano Roberto

Procuradores da equipe de Raquel Dodge pedem demissão

Raquel Dodge perdeu nos últimos dias dois auxiliares diretos, que pediram demissão em protesto contra sua conduta, informa o repórter Aguirre Talento, de O Globo.

Recentemente, em parecer ao STF, a procuradora-geral da República contestou a criação de uma fundação privada, com dinheiro recuperado da Petrobras, pelos procuradores da Lava Jato em Curitiba.

Nesta semana, Pablo Coutinho Barreto e Vitor Souza Cunha, dois procuradores que comandam o setor de perícias da PGR –ligado ao gabinete de Dodge–, renunciaram aos cargos.

O órgão que eles integravam é responsável por análises de documentos, mídias e quebras de sigilo que alimentavam as investigações da Lava Jato que corriam na PGR e nas procuradorias de primeira instância.



Bolsonaro tem reuniões com ex-secretário do Tesouro e empresários
Autor
Adriano Roberto

Bolsonaro tem reuniões com ex-secretário do Tesouro e empresários

Em Washington (EUA), o presidente  Jair Bolsonaro tem reuniões hoje (18) com o ex-secretário do Tesouro norte-americano Henry "Hank" Paulson, participa de cerimônia de assinatura de atos e janta com executivos do Conselho Empresarial Brasil-Estados Unidos. É a primeira viagem internacional com caráter bilateral. Antes, o presidente foi a Davos, na Suíça, para o Forum Econômico Mundial.
 
Às 15h30, Bolsonaro se reúne com Henry "Hank" Paulson. No final da tarde, participa da cerimônia de assinatura de atos. As atenções estão voltadas para o Acordo de Salvaguardas Tecnológicas entre o Brasil e os Estados Unidos.

A medida permitirá o uso comercial da Base de Lançamentos Aeroespaciais de Alcântara (MA). Estima-se que, em todo o mundo, exista uma média de 42 lançamentos comerciais de satélites por ano.

Blair House

O presidente da República está hospedado na Blair House, um palácio no qual ficam os convidados do governo norte-americano.  A construção, de meados do século XIX, fica próxima à Casa Branca.
O prédio foi comprado em 1942 pelo governo dos Estados Unidos e tornou-se um complexo formado por quatro casas interligadas, incluindo o edifício original.

Amanhã (19) está previsto o encontro de Bolsonaro com o presidente Donald Trump. Haverá uma declaração à imprensa no Rose Garden. Em seguida, ele irá ao cemitério de Arlington.

Bolsonaro deve chegar a Brasília na quarta-feira (20). Em seguida, no dia 21, irá para o Chile onde participa da Cúpula do Prosur, grupo que se destina a implementar medidas de interesse dos países da América do Sul. Com informações da Agência Brasil.



TCU investiga salão de beleza no interior de PE que recebeu R$ 73 milhões do governo
Autor
Adriano Roberto

TCU investiga salão de beleza no interior de PE que recebeu R$ 73 milhões do governo

Um pequeno salão de beleza na cidade de Jupi (PE) entrou na mira do Tribunal de Contas da União (TCU) pela sua aparente capacidade de fornecer programas de computador de última geração ao governo federal.

Uma força-tarefa do TCU, montada para vasculhar contratos suspeitos na área de Tecnologia da Informação (TI), descobriu que o endereço do pequeno negócio, em Jupí, também era citado em contratos milionários do governo associados à empresa Linkcon Internacional.

Registrada no mesmo imóvel do salão, a Linkcon faturou, nos últimos quatro anos, cerca de R$ 73 milhões em contratos com os ministérios do Turismo, da Saúde, da Integração Nacional e da Defesa, além de repartições menores do governo.

Investigando a papelada apresentada pela Linkcon para ganhar os contratos em Brasília, os técnicos do TCU encontraram um roteiro conhecido de irregularidades. Documentos falsificados, atestados de capacidade técnica adulterados e pagamentos sem qualquer comprovação de prestação de serviço foram constatados pelos investigadores. Informações do O Globo.



Gilson Machado: um pernambucano prestigiado na cota de Bolsonaro
Autor
Adriano Roberto

Gilson Machado: um pernambucano prestigiado na cota de Bolsonaro

O pernambucano Gilson Machado Neto, secretário de ecoturismo do Ministério do Meio Ambiente, recebeu uma postagem nas redes sociais do presidente neste domingo. Antes de embarcar para os Estados Unidos, onde vai se encontrar com Donald Tramp, Bolsonaro citou o trabalho de Gilsinho junto à pasta ambiental. Veja a postagem abaixo:



Pressão por cargos envergonha bancada dita evangélica e até igrejas
Autor
Adriano Roberto

Pressão por cargos envergonha bancada dita evangélica e até igrejas

Do Portal de Prefeitura - Há uma possibilidade grande de racha na bancada evangélica do congresso nacional para os próximos dias. A questão gira em torno de um motivo nada cristão: a troca de apoio político por cargos públicos. O debate entre a ética e uso da barganha tem levantado os ânimos de vários parlamentares.


O Deputado Federal Pastor Eurico, pernambucano do Patriota, prometeu apoio incondicional ao governo em caso de assuntos de interesse público e dos cristãos. Ele é uma das vozes dissonantes daquelas que reconhecem o peso que o voto evangélico teve para eleger Bolsonaro, mas veem isso como “toma lá, dá cá”.

Há parlamentares que pensam diferente. Sobre a questão, o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) disse o seguinte: “Se o governo está achando que vai nos tratar com banco de talentos e segundo escalão, está enganado. Não vai dar. Se quer governar só com militares, é uma escolha. Sem reforma ministerial, terá dificuldade para compor a base. Ninguém está atrás de marmita. Poder ninguém dar tem que arrancar.

O presidente Jair Bolsonaro tem entendimento do peso do voto evangélico recebido nas urnas. A pedido da própria bancada evangélica, Bolsonaro escolheu duas representantes cristãs para secretarias nacionais. Para a Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas foi nomeada a deputada Federal Roseane Cavalcante de Freitas (mais conhecida como Rosinha). Outra evangélica é Tia Eron, membro da igreja Universal do Reino de Deus. Essa foi para a Secretaria da Mulher. Eronildes Vasconcelos Carvalho – seu nome completo – é do PRB-BA.

Entre os Ministros de Estado, os evangélicos estão representados por pelo menos dois nomes. Há o Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, e a ministra Damares Alves, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos.

A polêmica dos posicionamentos conflitantes entre os deputados cristãos promete intensificar-se. O assunto tem tudo para influenciar a escolha do novo presidente da bancada evangélica. As igrejas as quais pertencem esses políticos sem escrúpulos deveriam se envergonhar desses seus membros! Será que isso realmente acontece?



Confirmado: delegada Patrícia aceita cargo junto à Moro no Ministério da Justiça
Autor
Adriano Roberto

Confirmado: delegada Patrícia aceita cargo junto à Moro no Ministério da Justiça

O afastamento da delegada, Patrícia Domingos, dos casos de corrupção aqui no Estado de Pernambuco chamou mesmo a atenção das autoridades federais. Este repórter já havia alertado da possibilidade de Patricia ser chamada para compor a equipe do Ministério da Justiça com o Juiz federal, Sérgio Moro. 

O nome de Patrícia foi lembrado durante reuniões das equipes de transição pelo seu histórico aqui em Pernambuco, e pela resistência política de muitos a seu nome. O fato terminou em um convite formal para a ida de Patrícia Domingos para o Ministério da Justiça, feito pelo próprio ex-juiz Mora e prontamente aceito pela delegada.

Se por um lado é uma promoção e um reconhecimento pelo seu trabalho, por outro, mostra que o governador Paulo Câmara fez um péssimo negócio em destruir a base de combate a corrupção em PE e afastar de Patricia para a Delegacia de Homicídios. Covite aceito, resta saber onde os carros da PF vão estacionar para possíveis apreenções e prisões aqui na Região Metropolitana do Recife. Aguardem!



Barroso manda inquérito dos Portos para a 1.ª instância
Autor
Adriano Roberto

Barroso manda inquérito dos Portos para a 1.ª instância

O ministro do STF, Luís Roberto Barroso, liberou para a primeira instância o inquérito dos Portos, que investiga o ex-presidente Michel Temer, informou a Coluna da Mônica Bergamo. Ao deixar a Presidência, Temer ficou sem o foro privilegiado.

Quando ainda era presidente, em dezembro, Temer foi denunciado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, sob acusação de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Segundo Dodge, o ex-presidente estava no meio de um esquema que configurava um “sistema institucionalizado de corrupção”. Temer nega as acusações.